Mobiliza e Trackmob lançam plataforma Avaliação de ONGs

mobilizalogotipoA Mobiliza e a Trackmob se uniram para apoiar organizações da sociedade civil que buscam fortalecer suas estratégias de sustentabilidade institucional. Para isso, lançam em evento aberto ao público, no dia 7 de novembro, a plataforma Avaliação de ONGs.trackmob

Segundo informações da própria Mobiliza em seu site, a iniciativa propõe que as organizações da sociedade civil se façam o seguinte questionamento para si mesmas: Sua organização está preparada para captar recursos?

Se você acredita que sim isso significa pensar além dos planos pontuais de financiamento de projetos. Significa planejar e encampar estratégias autênticas de sustentabilidade financeira, que estejam densamente conectadas com o propósito da instituição. Ou seja, é primeiro olhar para dentro, para depois se comunicar com o mundo lá fora.
A Plataforma trata-se de um método simples e exclusivo, totalmente digital e confidencial. O sistema realiza avaliação, a partir das respostas, em tempo real. A análise gera, então, um índice comparativo com outras organizações. Sendo quatro os critérios analisados: Identidade & Inovação; Gestão & Governança; Comunicação & Transparência e Modelo de Financiamento.

O lançamento oficial da plataforma acontecerá no dia 7 de novembro, a partir das 18h30, em São Paulo. A roda de conversa terá o tema “Modelo de Financiamento Autêntico” para organizações da sociedade civil e contará com a presença de diversos especialistas, como Celia Cruz, diretora-executiva do Instituto de Cidadania Empresarial–ICE, Fábio Deboni, gerente-executivo do Instituto Sabin e Val Rocha, coordenadora de relacionamento do Instituo Elos.

O evento marca também o lançamento do segundo fascículo da Coleção Mobiliza, que traz à tona uma série de reflexões e casos do campo social que podem contribuir com a ampliação da concepção do tradicional plano de mobilização de recursos. As vagas são limitadas e a inscrição pode ser feita até o dia 6 de novembro via formulário online.

Confira a notícia completa no site da Mobiliza.

facebooktwittergoogle_pluspinterestlinkedin