Brasil sobe 37 posições no ranking mundial de solidariedade

wgi2013A edição 2016 do Índice Mundial da Solidariedade (World Giving Index – WGI) trouxe a boa notícia que o Brasil subiu 37 posições no ranking, passando de 105º país mais solidário para a 68ª posição, dentre 140 países pesquisados.

Foram mais de 148 mil pessoas pesquisadas no mundo inteiro, nesse estudo que é realizado anualmente pela Charities Aid Foundation (CAF), organização sem fins lucrativos internacional, com sede no Reino Unido e com parceria no Brasil com o Instituto para o Desenvolvimento do Investimento Social, o IDIS.

Neste ano, na pesquisa, o Brasil teve grande aumento no número de pessoas doando para organizações da sociedade civil, fazendo trabalho voluntário e ajudando um estranho – os três aspectos medidos que compõem o WGI. No geral, 54% dos brasileiros disseram que ajudaram um estranho no mês anterior à pesquisa – um aumento expressivo em relação aos 41% do levantamento passado. A parcela de pessoas que doam dinheiro aumentou de 20% para 30% em relação ao ano anterior, enquanto a proporção dos que fizeram trabalho voluntário aumentou de 13% para 18% na mesma comparação.

O estudo completo está disponível para ser baixado em inglês, na página https://www.cafonline.org/about-us/publications/2016-publications/caf-world-giving-index-2016.

Facebooktwittergoogle_pluspinterestlinkedin