Captadores recebem mais que captadoras nos Estados Unidos

afppequenoPesquisa recente lançada pela AFP – Association of Fundraising Professionals, organização irmã da ABCR, identificou que, nos Estados Unidos, os captadores recebem mais do que as captadoras, apesar da diferença estar diminuindo. A média salarial dos captadores nos EUA é de 80 mil dólares anuais (272 mil reais), enquanto o das captadores é 68 mil dólares anuais (163 mil reais).

Outro resultado interessante da pesquisa é que os profissionais que são certificados recebem 21 mil dólares a mais (71 mil reais), por ano, do que os que não contam com a certificação CFRE.

Segundo a pesquisa, 71% dos captadores americanos tiveram aumento de renda em 2016, sendo que a média salarial no país, para quem atual com captação de recursos, foi de 70.256 dólares, cerca de 238.800 reais por ano.

A pesquisa também mostrou que profissionais que têm mais de 20 anos de experiência recebem, na média, até 80% a mais que captadores em início de carreira.

No Brasil, infelizmente, ainda não há nenhuma pesquisa parecida com essa, algo que está nos planos da ABCR para o futuro.

Confira mais detalhes da pesquisa diretamente na página http://www.afpnet.org/Audiences/ReportsResearchDetail.cfm?ItemNumber=44348 (em inglês).

Facebooktwittergoogle_pluspinterestlinkedin